Diferentes formas de cultivo para produção de biomassa

Chlorella vulgaris under an optical microscope (100X).

Chlorella vulgaris under an optical microscope (100X).

Título: Potencial biotecnológico de microalgas na produção de lipídeos e carotenoides de alto valor agregado

As culturas de microalgas têm se mostrado promissoras para a produção de biomassa tanto para uso na elaboração de alimentos quanto para a obtenção de uma vasta gama compostos naturais com alto valor de mercado. Mais recentemente, as microalgas também têm sido utilizadas para o tratamento de resíduos industriais, atenuação o dióxido de carbono (CO2), e como uma matéria-prima para a produção de biocombustíveis. Sendo assim a investigação de formas de cultivo que possibilitem o incremento da biomassa microalga, associado ao consumo de rejeitos agroindustriais como glicerol e soro do queijo se faz de grande importância. Desta forma, este projeto visa aperfeiçoar diferentes formas de cultivo heterotróficos e mixotróficos de microalgas para a maximização da produção de biomassa em curto espaço de tempo para a obtenção de lipídeos e carotenoides aplicáveis à nutracêutica e energética.

Coordenador

Esteban Espinosa Vidal – esteban.vidal@cetene.gov.br

Pesquisadora

Carolina Barbosa Malafaia – carolina.malafaia@cetene.gov.br

Ano

2016-2017

Parceria

UFRPE